Teste seu carisma com essas 6 perguntas (Estudo Científico)

Teste criado por pesquisadores canadenses conseguem mostrar se você é carismático ou não.

Se você tem dúvidas sobre seu carisma, o momento de saber a verdade é agora!

A equipe partiu do princípio que a maioria das pessoas se sentem inseguras em relação ao seu carisma.

Depois de realizar uma série de estudos, eles chegaram a seis perguntas incrivelmente fáceis de serem respondidas.

Esse estudo foi publicado na revista científica Journal of Personality and Social Psychology.

Como funciona o teste

Para quantificar seu carisma, avalie-se em uma escala de 1 a 5 nas seis frases abaixo:

Eu sou alguém que…

  1. tem presença em um ambiente;
  2. tem a capacidade de influenciar as pessoas;
  3. sabe como liderar um grupo;
  4. faz com que as pessoas se sintam confortáveis;
  5. sorri para os outros com frequência;
  6. pode se dar bem com qualquer pessoa.

Para saber o Resultado: Some sua pontuação e a divida por seis para obter sua média.

Se o número resultante for superior a 3.7, você é mais carismático do que a média.

Metodologia

Foram usados 1000 pessoas para realizar os estudos dos pesquisadores.

Os cientistas pediram aos participantes que se avaliassem em uma série de qualidades que descreviam pessoas carismáticas.

Eles determinaram que o carisma se resume a dois fatores:

  • influência (a capacidade de liderança e a força da presença de uma pessoa)
  • afabilidade (a capacidade de ser agradável e acessível).

Uma curiosidade no meio dos estudos, foi a constatação que as pessoas costumam serem boas em auto avaliar seu carisma, e isso normalmente não se repete em outros comportamentos.

Avanços

O que diferencia a pesquisa atual de outras sobre o carisma é que ela analisa esse traço na população geral – a maioria dos outros estudos tem focado no carisma em líderes.

Esta pesquisa também reduz o carisma a um conjunto menor de qualidades observáveis.

De acordo com os pesquisadores, o carisma tem implicações importantes para as nossas relações sociais.

Por exemplo, em estudos, as pessoas que são classificadas como mais afáveis também são percebidas como mais agradáveis.

Não sou carismático. Tenho solução?

Se isso não faz diferença na sua vida, não se preocupe com o resultado do teste.

Agora, se você busca trabalhar melhorar suas habilidades sociais é uma boa começar e tentar melhorar o seu carisma. Isso pode render muitas novas possibilidades em sua vida.

Pense nisso!

Esse estudo foi apresentado pelo [ScienceAlert].

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você gosta de escrever? Seja um colaborador do site!

Clique aqui para mais informações